Programa Bolsa Esporte Amapá

Governador efetiva pagamento do Programa Bolsa Esporte Amapá

Com objetivo de fomentar o esporte e impulsionar desportistas de modalidades individuais e coletivas do Estado, o Governo do Amapá, através da Secretaria de Estado do Desporto e Lazer (Sedel), efetivou nesta quarta-feira, 23, o pagamento do “Programa Bolsa Esporte Amapá” que contempla mensalmente 40 atletas locais com um auxílio financeiro no valor de um salário mínimo (R$ 937), durante o período de 12 meses.

Na ocasião o governador do Amapá, Waldez Góes, entregou o cartão financeiro bancário, efetivando o pagamento de quatro parcelas do benefício que poderá ser usado no custeio de despesas para o desenvolvimento e preparação de suas atividades esportivas.

O programa Bolsa Esporte Amapá vem sendo planejado desde 2016 pela Sedel, a intenção garantir a presença dos atletas beneficiários em competições nacionais e internacionais. Ele é direcionado a atletas com idade a partir de 12 anos, domiciliados no Estado, na prática de modalidades olímpicas, paralímpicas, individuais ou coletivas.

Ao todo, 12 modalidades estão sendo beneficiadas. No individual: ciclismo, judô, luta olímpica, natação, taekwondo, tênis de mesa, atletismo, badminton e boxe. Já nas modalidades coletivas serão assistidos atletas de basquete, vôlei e handebol.

O coordenador do programa, Bruno Igreja, representando todos dirigentes e técnicos, falou que o momento representa um grande passo para o esporte amapaense. “Essa é uma bolsa irá possibilitar aos atletas de forma programada, autonomia para compra passagens, alimentação, entre outros investimentos na carreira profissional. Esperamos que este número de atletas aumente cada vez mais”, afirmou o coordenador.

O secretário de Estado de Desporto e Lazer, Junior Maciel, expressou sua felicidade em fazer parte da história de profissionais, técnicos e atletas locais. “Essa luta, na melhoria de condições para nossos atletas, é antiga. Após reuniões do governador junto aos presidentes das federações, conseguimos nos organizar, planejar e colocar em prática este programa”, explicou Maciel.

Durante a solenidade, a atleta paralímpica número 1 do ranking em arremesso de peso categoria – F54 e atual campeã brasileira 2017, Yndiraima Cunha, relatou um pouco da sua experiência como desportista desde 2013, quando, com muita dedicação, foi campeã brasileira em lançamento de dardo. “Este dia é de comemoração. Estamos nos sentindo valorizados, este recurso financeiro irá nos ajudar no transporte de ida aos treinos, alimentação necessária e as passagens para as viagens para os locais das competições”, frisou a atleta.

O governador Waldez Góes fez um registro e agradecimento às federações desportivas do Amapá que estão estabelecendo com os atletas e Confederação Brasileira um grande nível de organização, articulação nacional e mantendo diálogo com o poder público.

Em relação ao Bolsa Esporte, o chefe do Executivo destacou que o programa foi efetivado em resposta à confiança ao trabalho dos atletas. “Sabemos da dificuldade que eles enfrentam no dia a dia para obterem um bom resultado nas competições. Queremos, ano que vem, renovar o programa e aumentar este número de atletas beneficiados”, afirmou Góes.

Ao final da solenidade, no Palácio do Setentrião, os atletas Yndiraima e Gabriel Nascimento (taekwondo) fizeram a entrega de uma placa em agradecimento ao governador Waldez Góes, representando os demais atletas olímpicos e paralímpicos.

Seleção

Os 40 atletas foram selecionados após passarem por trâmites jurídicos e burocráticos pelas federações desportivas, e submetidos à análise da comissão técnica da Sedel por meio de avaliação de currículos.

Fonte: Diário do Amapá

Publicações Recentes